16 de novembro de 2020, por:

Aceleradora Pólen quer mulheres equilibrando mercado musical

Projeto Flor de Cactus e Camomila Chá. Foto: Divulgação.

 

A Guria Produtora lançou uma iniciativa de aceleração de projetos musicais voltado para as mulheres chamada Pólen. O nome, claro, faz alusão aos grãos reprodutivos das flores e a ideia do projeto é justamente esse, reproduzir e impulsionar carreiras, levando a música produzida e realizada por mulheres à novos patamares e conquistas.

Camila Pedrassoli, diretora da Guria produtora e idealizadora da aceleradora, conta que que no mercado de produção apenas 2% das músicas são assinadas por mulheres, e nos palcos o número de produtoras chega a 14%. “Esses  números foram os maiores incentivadores pra que a gente criasse a aceleradora. A gente foi percebendo que tem pouquíssimas mulheres no Brasil como produtoras musicais. Então o nosso desafio é instigar as mulheres a produzirem suas coisas e também assinarem por isso”, conta Camila.

Para a primeira etapa da aceleradora foram selecionados cinco projetos. Cada um foi responsável por montar uma equipe de produção para a gravação de um EP com três faixas inéditas e um video performance. A recomendação foi de que cada equipe fosse montada majoritariamente por mulheres. “Não queremos excluir os homens, mas o grande objetivo é equilibrar essas porcentagens”, afirma Camila. Além de verba para produção, foram disponibilizados estúdios para gravação e mentorias por meio de parcerias.

Elas ficaram a cargo de escolher a composição das bandas, determinar a produção do vídeo, toda a parte visual e de foto, quem ia assinar arte e produção da capa do EP, além de também receberem ajuda em toda a parte de assessoria de imprensa. A meta é que a partir dessa experiência elas possam reunir condições para começarem a produzir sozinhas.

Os projetos artísticos selecionados para esta primeira fase são: Juliana Linhares – Produção musical: Josyara Foto/ Vídeo: Larinha Dantas e Mylena Sousa; Côco de Rosa – Produção musical: Tiquinha Rodrigues e Khrystal/ Vídeo:  Wisla Ferreira e Caboré Audiovisual; Luísa e os Alquimistas – Produção musical e vídeo: Luísa Nascim e equipe; Projeto Retrovisor – Produção musical: Valéria Oliveira, Luiz Gadelha, Ângela Castro, Simona Talma e Khrystal / Vídeo: Mylena Sousa e Rita Machado e Projeto Flor de Cactos (Projeto Musical do Grupo de Apoio à Criança com Câncer – GACC RN) – Participação especial: Plutão Já Foi Planeta, Camomila Chá, Filipe Toca, Aiyra, Toni Gregório, Rafaela Brito, Vitoria de Santi, Camila Masiso e Khrystal/ Vídeo: Gabriela Barbalho, Paula Vanina e Caboré Audiovisual.

Para Juliana Linhares, vocalista da banda Pietá, o convite para participar desse primeiro momento foi um voto de confiança e empoderamento.  “Acho uma iniciativa totalmente essencial dentro do mercado da música. A galera da Guria Produtora, como sempre, está colocando as mulheres dentro do mercado, no lugar onde elas deveriam estar há muito tempo e estão dando esse empurrão pra gente pegar nosso trabalho, nossa vida e nossa música pela mão e se se capacitar. Espero que essa rede cresça cada vez mais”, celebra.

Com uma boa trajetória no mercado musical, Juliana conta que além de participar com sua voz e seu conhecimento artístico no projeto, também vivenciou a produção do EP desde o início, e que a experiência foi enriquecedora. O trabalho é assinado pela produtora Josyara, de quem Juliana não poupa elogios. “Uma artista incrivel, que vem da Bahia, e faz parte de uma nova geração de compositoras e instrumentistas que está chamando muita atenção”, detalha.

“Além de artistas já consagradas, o projeto também reuniu nomes novos. Isso possibilita criar uma rede em que todo mundo aprende algo novo. Seja a primeira experiência com produção como Tiquinha, Khrystal e Luisa Nascim ou seja colocando uma novidade no mercado como é o Coco de Rosa,  grupo da vila da Ponta Negra. Estamos bem felizes de colocar isso pra frente”, finaliza Camila.

A etapa 2020 da Pólen Aceleradora acontece dentro do projeto Ação Camomila, que tem o patrocínio da Prefeitura do Natal e da Unimed Natal através do Programa Djalma Maranhão, e é uma realização da Guria Produtora em parceria com o Festival Camomila.